To Be Geek, um mundo para geeks
Facebook To Be Geek Twitter To Be Geek Google Plus To Be Geek Feed To Be Geek

Cidade holandesa pretende processar a empresa responsável por Pokémon Go

Postado por Frede Mandu em 01/out/2016 - Sem Comentários

Apesar da febre de Pokemon Go ter acalmado um pouco, ainda ocorre várias situações peculiares envolvendo o jogo. Pokémon Go teve várias criticas e elogios desde seu lançamento, tendo retirado milhares, talvez milhões de pessoas de suas casas para caçar esses monstrinhos virtuais, se tornando uma febre desde seu lançamento.

Uma cidade na Holanda pretende processar a empresa criadora de jogo Pokemon Go, devido ao não cumprimento dos apelos para retirar os monstrinhos de áreas naturais protegidas. O Processo se deve ao fato de vários jogadores estarem invadindo a praia de Kijkduin na cidade Haia, tudo isso pois o local atrai os pokémons mais procurados.

Pokemon Go logo

O advogado de Haia tentou o contato com a Niantec, sem obter respostas ao apelo a cidade resolveu entrar com um processo contra a empresa. Eles dizem apenas querem reduzir os impactos ambientais causados pelas invasões em locais protegidos.

Outro ponto em questão seria a desordem que os jogadores estão causando na cidade em determinados horários, por isso outro pedido da cidade seria a proibição do jogo entre as 23:00 e 7:00.

Pokémon Go é mais usado que o Facebook, WahtsApp e Instragram

Postado por Frede Mandu em 17/jul/2016 - Sem Comentários

O Jogo para Smartphone foi lançado há pouco tempo nos EUA e já está subindo no Rank dos aplicativos mais usados. Posicionado como sendo mais usado que o aplicativo do Facebook, Instagram e até  mesmo WhatsApp, Pokémon Go está virando um monstro.

Pokémon Go ilustração
Segundo algumas estatísticas de sites adultos, o jogo é mais procurado que pornografia, no Twitter o site adulto Youporn publicou a seguinte frase “Parabéns, Nintendo! Você quebrou a internet. Pokémon GO é oficialmente mais popular do que pornografia”. Realmente esses monstrinhos estão apavorando o mundo real

O jogo mesmo lançado há pouco tempo já criou diversas situações inusitadas, e casos estranhos:

No game o jogador tem a premissa de usar a câmera do smartphone para procurar Pokémons no mundo real, você sai a procura desses monstrinhos na rua com seu smartphone, e mesmo que essa ideia no Brasil pareça meio que perigosa,  mesmo assim pode trazer muita diversão; claro tomando todo cuidado. Por enquanto não há previsão para o lançamento oficial do jogo no Brasil, então resta aguardar ansiosamente

Conheça o Nike Air Mag II, o tênis de De Volta Para o Futuro

Postado por Frede Mandu em 12/abr/2016 - Sem Comentários

Se você já assistiu De Volta Para o Futuro provavelmente sabe do que estamos falando, o tênis da Nike que se amarra sozinho, ótimo para aqueles que não tem pratica em amarrar cadarços.

No segundo filme McFly vai para o futuro, onde conhece um desses tênis modernos, claro que mesmo com a tecnologia atual muitos dos apetrechos do filme ainda não se tornaram realidade, e talvez nunca se tornem. A Nike em 2011 anunciou seu primeiro Nike Air Mag, pena esse primeiro não cumprir com seu propósito, ele era sem duvidas nenhuma igual ao do filme, porém não se amarrava sozinho.
O novo modelo apesar de não mudar na aparência, se amarra sozinho diferente do seu antecessor e caso acabe a bateria ele possui um método manual para não deixar na mão.

Lançamento Air Mag II

Em 2015, mais exato no mês de outubro foi lançado o novo Air Mag II, esse por sua vez cumprindo o seu principal propósito. Depois de longos 4 anos de espera o tão aguardado tênis que se amarra sozinho de De Volta Para o Futuro é relançado e dessa ele se amarra mesmo sozinho, agora basta apenas o skate voador.nike-air-mag

Infelizmente nem tudo é alegria, se você já estava louco para ir as lojas e comprar o seu, pode tirar seu cavalinho da chuva. O novo Air Mag II teve sua produção limitada e disponível apenas em leilão, a boa noticia é que todo lucro será destinado a Michael J. Fox Foundation, focada na pesquisa pela cura do Parkinson

 

Como baixar vídeos do YouTube, com ou sem programas

Postado por Frede Mandu em 14/fev/2016 - Sem Comentários

Nem sempre dispomos de internet em todos os dispositivos, as vezes queremos assistir a um vídeo em uma TV, por exemplo. Nesses casos, o download de vídeo se torna uma forma de contornar esse problema, mas como fazer download de vídeos do YouTube?

Para responder essa pergunta criaremos uma lista de sites e programas que lhe auxiliaram nesse serviço. Um dos jeitos de baixar vídeos do YouTube sem auxilio de programas é o uso de sites de terceiro, que facilitam o download.

Sites para download de vídeos do YouTube

A maioria desses sites tem o conceito parecido uns com os outros, primeiro você entra neles e procura uma campo onde colar o link do vídeo, em seguida da um enter ou clica em avançar (ou download), e em alguns há a possibilidade de escolher a qualidade, e finalmente só clicar em baixar (download).

Savefrom.net

Primeiro cole o link no campo “just insert a link”

colar o linkDepois escolha a qualidade e clique em baixar (download)

baixar video

ClipConverter

Faça igual ao Save from e clique em continue

colar urlApós isso escolha a qualidade, clique em download e depois iniciardownload video do youtube com clipconverter

 

Programas e plugins para Download de vídeos do YouTube

São vários que promete e realmente cumprem, porem alguns se saem melhor que outros nessa tarefa

Video DownloadHelper

Disponível para Firefox (e acredito que também para o Chrome), esse plugin permite que faça o download de vídeos de diversos sites, não somente o YouTube, bastando somente visitar o link do vídeo e clicar em ícone do DownloadHelper, escolher a qualidade e efetuar o download normalmente.downloadhelper

AtubeCatcher

O Atube Catcher é bem intuitivo, lembrando muito os sites de download de videos do YouTube, você cola o link dos videos em seguida clicar em Download(baixar), sem dificuldade alguma. Ele permite o download assim como a conversão do arquivo de vídeo, além de ter uma função um tanto quanto interessante, a de permitir a junção dois ou mais vídeos em um só.atubecatcher, programa para download de video do youtube

Vdownloader

O Vdownloader é outro programa muito simples de usar, seus recursos são muito parecidos com Atube Catcher, porém com alguns recursos a menos, mas nada que o desmereça.vdownloader

 

Importante!!, tanto uso dos sites de download, assim como os programas são de sua inteira responsabilidade, use-os e acesse por sua conta e risco. Vários desses programas e sites possuem complementos extras, que em nada tem a haver com o programa em si, tome cuidado na hora da instalação e desmarque tudo que ache desnecessário.

Túnel do tempo, tecnologias que quase não vemos mais!

Postado por Frede Mandu em 09/fev/2016 - Sem Comentários

Apesar de muita coisa ter mudado ao longo dos anos, varias delas evoluíram para o que temos hoje. Claramente quando algo evolui, seu antecessor deixa de existir, ou quase isso!

Em um passado, até não muito distante, essas tecnologias foram consideradas o que havia de mais moderno. Hoje são consideradas obsoletas, mesmo assim tem aquele charme que não sabemos explicar, talvez seja por causa do sentimento de nostalgia.

Veja a lista de tecnologias que quase não vemos mais hoje em dia.

Tecnologias que quase não vemos mais

Algumas até vemos, porém com menor frequência do que antes, outras já estão quase extintas.

Videocassete

VCR ou videocassete como era conhecido, foi um dispositivo capaz de gravar e reproduzir vídeos, estes por sua vez eram gravados em uma fita magnética. Teve certa popularidade no Brasil lá pela década de 80/90, sendo substituído aos poucos pelos DVD players nos anos seguintes.videocassete, hoje substituido pelo DVD e Bluray

Toca fitas

Já que existia o videocassete pra quem curtia filmes, antes disso já existia os toca fitas pra quem curtia música. Com a popularização das fitas magnéticas no mundo da tecnologia, as fitas que antes eram usadas para gravar informações analógicas, para depois serem analisadas, agora eram usadas para gravar músicas.

Logo que as empresas perceberam o seu potencial, e as fitas se popularizaram, seu principal uso foi focado para divulgação de áudio.radio toca fitas antigo

Vitrola e os discos de vinil

Apesar do disco de vinil ainda estar em alta dentre alguns públicos de apaixonados por música, ela já foi mais popular. Criado na década de 40, o vinil ou LP, foi o sucessor dos disco de goma-laca, trazendo um novo meio de reproduzir áudio mais fielmente.

Até hoje ainda usam o vinil, seja por sua qualidade sonora, que para alguns é inquestionável, ou pelo simples sentimento de nostalgia!a vitrola e o disco de vinil, ambas tecnologias antigas que persistem

Maquina de escrever

Em 1880 as maquinas de escrever começaram a serem integradas no mundo corporativo, e depois disso se popularizaram cada vez mais. Sua popularidade se consolidou por anos, tendo sua decaída nos anos de 1990, com o advento da era da informática.maquina de escrever antiga, hoje não se mais dessas

Disquete

Até não muito tempo atrás, o disquete era umas das formas mais convencionais de se armazenar ou transportar documentos e arquivos de um computador, hoje tal tecnologia se torna obsoleta, só pra se ter uma ideia um disquete comum (salvo outras exceções) tinha em torno de 1,44 MB, um CD por exemplo tem quase 500 vezes mais capacidade que isso, e um DVD comum tem mais de 2700 vezes a capacidade desse mesmo disquete, não é realmente impressionante ?

Hoje os disquetes estão quase extintos, até mesmo seus sucessores, o CD e o DVD são hoje mídias ameaçadas.

disquetes, tecnologia que nao vemos mais

Essas são algumas das tecnologias que desapareceram ao longo do tempo ou que simplesmente foram substituídas por versões mais modernas. A cada passo deixamos para trás outras tecnologias que hoje nos servem, e que amanhã serão consideradas obsoletas.

Chromecast, o que é ? vale a pena ?

Postado por Frede Mandu em 05/fev/2016 - Sem Comentários

Chromecast para quem não conhece, é um dispositivo que consegue reproduzir streaming de mídias digitais em TVs com entrada HDMI. Seu uso pode transformar de uma simples TV em uma SmartTV, através dele juntamente com um smartphone e uma conexão Wi-fi.

Com um preço inicial de US$ 35,00, o Chromecast se mostra com um valor bem acessível, e com uma finalidade um tanto quanto interessante, podendo transmitir vídeos, imagens, áudios e muito mais para a TV, transformando-a em uma verdadeira Televisão inteligente.

Chromecast, primeira e segunda geração

Após o sucesso do Chromecast, a empresa Google logo lançou seu sucessor, o Chromecast 2, mudando radicalmente seu visual e algumas de suas características.

Design

Primeira geração

O Chromecast em sua primeira geração possui uma design bem elegante, ao mesmo tempo que bem simples, lembrando muito os conhecidos pendrives. Possui um tamanho reduzido, facilitando sua portabilidade, de forma evitar aquela eventual bagunça em sua sala.chromecast

Segunda geração

A segunda geração por sua vez já possui um design inovador, sendo totalmente diferente de seu antecessor, perdendo aquela ideia de um pendrive robusto, parecendo agora mais com um disco. Sendo vendido em diversas cores, estando disponível em 3 cores para ser exato, vermelho, amarelo e preto; o novo Chromecast se mostra mais elegante, atendendo a diversos gostos, e seu formato e desenho lembra em muito a logo do Google Chrome.chromecast2

Energia/Consumo do Chromecast

Geralmente a entrada HDMI não consegue alimentar os seus dispositivos, por isso o Chromecast vem acompanhado de uma mini porta USB usada para alimenta-lo, e o seu cabo USB pode ser conectado diretamente em um porta USB da própria TV, ou se preferir usar a fonte de alimentação que o acompanha. O único intuito de se conectar o cabo USB na porta da TV é alimenta-lo, pois o Chromecast não transmite nada para TV por meio dessa conexão, somente transmite imagens (e outros)pela entrada HDMI.

Já a segunda geração, segundo vários sites, necessita do uso da fonte de alimentação para fornecer energia, não sendo suficiente a alimentação provida da porta USB das TVs.

O seu consumo de energia se mostra pequeno se comparar com outros dispositivos, mesmo a segunda geração não consome tanto a ponto de se tornar um problema.

Hardware vs Software

A primeira geração trazia um hardware, assim como um software modestos, porém que atendia bem as expectativas, podiam facilmente reproduzir streaming de vídeo e áudio em alta resolução e possuía uma conexão Wi-fi normal, a qual era usada para fazer streaming.

A segunda geração por sua vez veio um pouco diferente, dispondo de uma conexão Wi-fi dual band, em conexões sem fio 802.11ac, alterando entre 2,4 GHz e 5GHz sem problema algum, fazendo streaming mais rápido, também consegue reproduzir vídeos em uma resolução melhor que seu antecessor. Já a parte do software vem de parcerias com varias empresas tanto de jogos como de streaming, melhorando em muito a qualidade de seus serviços.

Custo Beneficio

Tanto a primeira como a segunda geração tiveram seu preço inicial de US$ 35,00 ou mais ou menos R$ 140,00 (na cotação atual), no Brasil possivelmente se encontre na faixa dos R$200,00.

Vale a pena comprar o Chromecast ? Depende, se você quiser uma SmartTv, porém não tem dinheiro suficiente para dispor, essa seria uma possível solução para transformar sua TV em uma, lembrando que a entrada HDMI na TV é um requisito.

Drone consegue mergulhar e se movimentar debaixo d’água

Postado por Frede Mandu em 01/fev/2016 - Sem Comentários

Os drones hoje podem ter seu uso para diversos fins, desde a área da agricultura, lazer, pesquisas, usos comerciais, etc, agora mais do que nunca; talvez essa seja uma fronteira a mais a ser ultrapassada e que traga consigo novas finalidades para seu uso.

A Universidade de Oakland, localizada no estado do Michigan, Estados Unidos desenvolveu em seu laboratório, um drone um tanto quanto singular, com a capacidade de se movimentar de baixo da água, esse drone se mostra promissor e talvez muito útil.

Com uma característica um tanto quanto diferente, esse drone inova e pode acabar por quebrar uma nova barreira. A possibilidade de se movimentar debaixo d’água faz com que ele se destaque e crie novas utilidades para esse tipo de equipamento.Loon Copter - o drone aquático

Loon Copter como é chamado, pode se movimentar facilmente debaixo d’água, tudo isso graças a um compartimento que se enche de água ajudando-o a submergir, e utilizando-se suas hélices para se deslocar, esse drone consegue façanhas extraordinários, como por exemplo virar a 90º dentro d’água, fazendo da hélices motores de polpa (assim como em barcos), podendo sair e entrar da água quando achar conveniente sem a necessidade de desligar suas hélices.

Principal uso para o drone aquático

O seu principal uso ainda não esta totalmente definido, porém pode-se imaginar que será para explorações dentro e fora d’água, buscas e salvamentos. O equipamento ainda não consegue transmitir vídeos, mas já pode grava-los para posterior analise.

Snapdragon 830 poderá suportar até 8 GB de memoria RAM

Postado por Frede Mandu em 23/jan/2016 - Sem Comentários

Apesar de sistemas como o Android, Windows Phone e outros terem requisitos mínimos bem modestos, e que dificilmente vemos Smartphones com mais de 2Gb de memoria Ram, sendo muito raro encontrar poucos com 4 GB, ainda sim, em um futuro talvez não muito distante, tenhamos requisitos nada convencionais. Pensando no futuro, a Qualcomm deve desenvolver logo logo o novo Snapdragon 830, que tem a premissa de suportar nada menos de que até 8 GB de Ram.

snapdragon, novo snapdragon 830

Apesar de um exagero para cenário atual, esses requisitos podem se tornar necessários em um futuro próximo, se levar em consideração as constantes atualizações do sistemas operacionais, assim como os aplicativos novos que surgem no mercado. Também há a possibilidade da Qualcomm estar de olho no mercado de portáteis híbridos, que mesclam tablets com notebooks, alguns até com Windows 10, versão PC; o que justificaria muito bem a necessidade de mais memoria.

Mesmo que para arquitetura ARM 2GB ou 4GB sejam hoje mais do que o necessário para usufruir o máximo do desempenho dos aplicativos e funções do sistema em portáteis, isso pode não se tornar verdade dentre alguns anos.

Nos EUA, pelo menos por enquanto o foco está no seu antecessor, o Snapdragon 820, cuja aparição deve ocorrer no final de fevereiro, já o Snapdragon 830 deve ficar somente para 2017.

Por enquanto fica apenas em rumores, e ai o que você acha ?